Carregando

Élcio Dias & Amorim cantam Pena Branca & Xavantinho no C. C. Mestre Assis

Secretaria:
Cultura
.
13/09/2021 09:46

Élcio Dias & Amorim realizarão um show musical com canções do repertório da saudosa dupla Pena Branca & Xavantinho - CONHEÇA E OUÇA  AQUI

A apresentação acontecerá no sábado (18/09), às 20h, no Centro Cultural Mestre Assis do Embu (Largo 21 de Abril, 29, Centro, Embu das Artes), com entrada gratuita. Haverá a disponibilidade de apenas 75 ingressos, que deverão ser retirados no local a partir das 12h do dia do espetáculo.

Serão obrigatórios: aferição de temperatura, uso de máscara e distanciamento social entre as pessoas da plateia para evitar aglomeração. A promoção do evento é da Secretaria Municipal de Cultura.

Sobre o trabalho

Os músicos Élcio Dias & Amorim, cantadores da cidade de Embu das Artes, lançaram pela produtora e gravadora Kuarup o álbum digital Élcio Dias & Amorim cantam Pena Branca & Xavantinho em homenagem aos artistas. Influenciados por clássicos do repertório caipira e ritmos da cultura popular como a congada, o pagode, a Folia de Reis e músicas juninas, eles se juntaram em torno da obra de Pena Branca & Xavantinho, interpretando os grandes sucessos da dupla. O álbum traz 16 músicas e, entre elas, pérolas como O Cio da Terra, Vaca Estrela e Boi Fubá, Cuitelinho e Calix Bento.

A ideia do projeto surgiu em 2003 quando Élcio estudava música na Faculdade Paulista de Artes. Em 2008, o músico apresentou um show na Festa de Santa Cruz de Embu das Artes em homenagem à velha dupla. Na ocasião, Élcio conseguiu conversar algumas vezes com Pena Branca por telefone e aproveitou para pedir autorização para realizar o show. Conversaram sobre músicas e futuras parcerias, mas o tempo passou e infelizmente, em 2010, Pena Branca faleceu e o projeto foi deixado de lado. Mas em 2020, no começo da pandemia da covid-19, passando muito tempo em casa, Élcio decidiu resgatar o antigo sonho, fez uma grande pesquisa sobre a vida dos cantores e voltou a ouvir as canções e se inspirar em escrever o projeto.

Por quatro meses os músicos Élcio Dias & Amorim permaneceram isolados em Embu das Artes se protegendo da pandemia. Ambos se comunicavam apenas por telefone ou vídeo conferência para pesquisar, criar e fazer a escolha do repertório até que, no mês de julho de 2020, decidiram entrar em estúdio para gravar o álbum.

Élcio Dias gravou violão em todas as faixas e Amorim gravou a viola, tendo a participação especial da cantora Elisa Dias na faixa Viola Quebrada e do grupo folclórico Folia de Reis do Lajedão na faixa Reisado. Élcio Dias & Amorim fizeram as releituras das músicas e se preocuparam em manter viva a essência, a pureza, a verdade e a tonalidade, que é uma característica única e marcante da dupla Pena Branca & Xavantinho.

A dupla carrega uma grande militância cultural. Pare eles, preservar a cultura significa manter os bens artísticos do País construídos por gerações e é o registro da evolução do povo. "Um povo sem memória é um povo sem alma e Pena Branca & Xavantinho, de alguma forma, exercitaram um papel muito importante ao mostrar ao povo que ele não pode e não deve perder nunca as suas raízes que o prendem ao mais profundo de si mesmo", afirmam.

Serviço:
Show: Élcio Dias & Amorim cantam Pena Branca & Xavantinho

Quando: Sábado, 18/09, às 20h
Onde: Centro Cultural Mestre Assis do Embu - Largo 21 de Abril, 29, Centro, Embu das Artes
Ingresso: Entrada gratuita - disponibilidade de 75 ingressos a serem retirados no local a partir das 12h do dia do espetáculo.
Obrigatórios: aferição de tempertura, uso de máscara e distanciamento social 

Repertório: 1. VIOLA MALVADA / CUITELINHO (Autoria: Renato Teixeira / Paulo Vanzolini / Antonio Xandó); 2. O CIO DA TERRA (Autoria: Milton Nascimento / Chico Buarque); 3. O GRANDE SERTÃO (Autoria: Xavantinho); 4. VACA ESTRELA E BOI FUBÁ (Autoria: Patativa do Assaré); 5. RESTINGA / SERTÃO E VIOLA (Autoria: João Carvalho / Xavantinho); 6. ENCONTRO DE BANDEIRAS (Autoria: Xavantinho / Tavinho Moura); 7. VIOLA QUEBRADA (Autoria: Mario de Andrade); 8. E A MATA GEMEU (Autoria: Maria Chiquinha / Xavantinho); 9. FABULAS DE CARREIRO (Autoria: Moniz); 10. EU, A VIOLA E DEUS (Autoria: Rolando Boldrin); 11. CANTIGA (CAICÓ) (Autoria: Villa-Lobos / Teca Calazans / Milton Nascimento); 12. SANTOS REIS (REISADO) (Autoria: Teddy Vieira); 13. BEIRA MAR (Autoria: Frei Chico / Adaptação: Élcio Dias); 14. CANTO DO POVO DE UM LUGAR (Autoria: Caetano Veloso); 15. CANTIGA DO ARCO-ÍRIS (Autoria: Xavantinho / Moniz) e 16. CÁLIX BENTO (Autoria: Tavinho Moura).



TUDO SOBRE
DESTAQUE

NEWSLETTER

PRAÇAS DE ATENDIMENTO

Centro
Santa Tereza
Santo Eduardo


Eficiência e qualidade na prestação de serviços: abertura de empresa, emissão de certidões, parcelamento de débitos, escrituração fiscal e outros
Prefeitura de Embu das Artes - Sec. de Gestão Tecnológica e Comunicação
Rua Andronico dos Prazeres Gonçalves, 114 - Centro Estado de São Paulo - Brasil CEP: 06803-900 PABX: +55 (11) 4785-3500 Disque Serviços: 0800 773 0005